DITADURA MILITAR E CORRUPÇÃO

 

Ditadura militar brasileira era "cenário ideal" para corrupção, diz historiador
Marcelo Freire
Do UOL, em São Paulo 01/04/2015, 06h00
 


Militares em frente ao Congresso Nacional em 1968, ano da promulgação do AI-5


O último período do Brasil sob comando dos militares ocorreu após o golpe de Estado que completa 51 anos nesta quarta-feira (1º) – apesar da polêmica que envolve a data correta da deposição de João Goulart – e durou até 1985, com a saída do general João Baptista Figueiredo.

O regime foi marcado pelas restrições ao trabalho do Legislativo e do Judiciário, blindagem do Executivo – e, consequentemente, de todas as instituições civis e militares subordinadas ao governo federal –, censura à imprensa e repressão à sociedade civil.

A falta de fiscalização autônoma a agentes públicos, segundo o historiador Pedro Henrique Pedreira Campos, praticamente impedia o combate à corrupção. "Era um cenário ideal para práticas corruptas", diz ao UOL o historiador, autor do livro "Estranhas Catedrais - As Empreiteiras Brasileiras e a Ditadura Civil-militar", que aborda a ligação das empresas de construção com o regime.

http://noticias.uol.com.br/politica/ultimas-noticias/2015/04/01/ditadura-militar-brasileira-era-cenario-ideal-para-corrupcao-diz-historiador.htm

 

Quando vemos jovens hoje pedindo ditadura militar, sabemos que eles ainda não devem ter analisado bem a história e, por isso não sabem o que querem.  Mas os idosos que ainda dizem ter saudade daquele regime, embora sejam muito poucos, imagino que viviam em algum interior como eu, que, na infância e na adolescência, nem sabia que vivíamos sob uma ditadura.  Entretanto, mesmo tendo vivido sem informações naquele tempo, não poderia me manter enganado depois de estudar um pouco mais.



Ver mais POLÍTICA BRASILEIRA

 

..

.