.

.

O PODER DO ÁLCOOL

 

 “O álcool etílico ou etanol é um líquido volátil sem cor e com odor e sabor característico, produzido pela fermentação do caldo de cana, de cereais ou raízes.  As bebidas alcoólicas são líquidos voláteis, muito fluidos, derivados da destilação de diversas substâncias vegetais.

Por processo químico altera-se a concentração e sabor das mesmas.  As cervejas possuem de 3 a 6% de etanol, os vinhos de 9 a 12% e os destilados geralmente acima de 35%.

O álcool é a droga mais consumida no Brasil e, dentre as pessoas que bebem aproximadamente 30% desenvolvem algum tipo de problema nas áreas: orgânica (afeta estômago, fígado, pâncreas, rins, coração, cérebro, produzindo várias doenças), mental (ansiedade, irritabilidade, depressão, etc.), familiar (brigas, separação, agressões, etc.), profissional (faltas, atrasos, queda de produtividade, acidentes, desemprego, etc.). Como uso prolongado a pessoa pode desenvolver tolerância (‘quer beber sempre mais’) dependência química de natureza compulsiva (ter necessidade de beber ou não conseguir controlar a bebida).

A pessoa sob o efeito do álcool modifica seu comportamento, diminui os reflexos, tem dificuldade para andar, apresenta impulsividade, tem diminuição da atenção e memória, pode ficar agressivo.” ((Ely Marcus Joviano Santos, Diga Não às Drogas, pág.  18, 19).

Pequena quantidade de álcool não prejudica, e já se afirma que pode diminuir o colesterol. Mas que bebe pequenas quantias corre o risco de  ir aumentando as doses e se tornar alcoólatra.  

Ver mais O PODER DE CADA DROGA

..