POR QUE OS PLANETAS SÃO REDONDOS?

Quem aqui nunca se perguntou “Por que os planetas são redondos?”.

Os planetas são formados pela aglomeração de matéria espalhada no espaço, seja elas sólidos ou gases. Por exemplo: duas “pedras” ficam girando em torno do sol, de repente elas se coincidem no mesmo lugar até que uma é atraída pela outra (Força Gravitacional), e ficam presas uma a outra. Com uma sucessão de atrações como essa, o núcleo é formado e com o aumento da massa desse corpo, a força gravitacional também aumenta, pois estA é diretamente proporcional a massa (veja na formula abaixo):

g = GM/d²

Quanto maior a força gravitacional de um corpo, maior é sua atração por partículas e gases, sem falar que maior também é a sua tendência de formação de uma esfera, porque as partes mais salientes tendem a rolar para as reentrâncias, ou esmagar a matéria colocada nas camadas inferiores. Pense no seguinte exemplo: quando estiver na praia tente fazer um monte de areia o mais alto possível (isso com a areia seca), assim você verá que os grãos de areia escorregarão e cairão o máximo possível, porque todas as partículas tendem a ficar o mais próximos do centro de gravidade, que é o centro do planeta, devido a força gravitacional. Isso é o principal fator responsável pelo formato quase circular dos planetas.

Outro fator que contribui para que os planetas sejam redondos são as marés e a rotação (no caso da Terra), que induzidas pelo Sol, fazem com que os planetas fiquem mais redondos. Sem falar que as temperaturas elevadas também contribuem para a esfericidade dos planetas, pois derretem as rochas, fazendo com que elas se tornem líquidas e ganham a forma de esfera, pois esta é a geometria mais estável e com menor energia de todas.

Autores: Diego Galeano e Maísa Caldas, (http://curiofisica.com.br/ciencia/por-que-os-planetas-sao-redondos, 03 março 2010)

 

Ver mais CURIOSIDADES

 

..