MEU PRIMEIRO DIA DE 2004 -- 01/01/2004 -


 

Ontem, após a janta senti um sono muito forte. Deitei-me, dormi e nem ouvi nenhum som dos fogos, que foram lançados em abundância na nossa Capital. Só acordei de madruga, quando tudo estava em silêncio. Dormi novamente e me levantei hoje às 09:30h. Como moramos em um ponto alto, foi possível ver toda a festa na região central. Minha família achou um espetáculo lindo.

Como tive sono e não disposição para ficar esperar a festa, hoje li a notícia no “Estado de Minas”:

“Desejo e luz - Toneladas de fogos iluminaram o céu da Pampulha para anunciar a chegada do novo ano. Espetáculo embalou os votos por um período de mais paz e prosperidade

2004: os mineiros estão prontos para encarar mais um ano, com muita esperança e fé por dias melhores. Na madrugada do primeiro dia do ano, a orla da Lagoa da Pampulha foi tomada por cerca de 300 mil pessoas, que foram festejar a chegada do novo ano no mais tradicional espetáculo pirotécnico do Estado, que chegou à sua 14ª edição: o show de fogos da TV Alterosa. No começo da noite de ontem, começaram a chegar os grupos que buscaram os melhores pontos, como a praça Alberto Dalva Simão, onde fica a imagem de Iemanjá, e próximo à igrejinha de São Francisco, onde foram instalados telões com videoclipes. Outro local disputado foi próximo ao Iate Tênis Clube, um dos pontos de concentração dos fogos.

Caminhando pela orla, famílias inteiras, casais apaixonados, grupos de jovens, muitos com instrumentos musicais. O que não faltou foi alegria e descontração na mais bela festa de Belo Horizonte para saudar 2004. Até quem saiu mais tarde de casa não perdeu o bom humor e, mesmo com a distância dos pontos de concentração dos fogos, delirou com o espetáculo de luzes nos céus.

O casal de namorados Idalila de Cássia Noronha, de 22 anos, e Bruno José Martins da Silva, de 26, aguardavam a chegada do novo ano com mensagens estampadas em suas camisas. Ela vestia uma blusa com a palavra “amor” e ele “paz”. “Se no ano que se encerra tivesse havido mais paz teria sido melhor”, acredita Idalila, que também pede mais saúde e sabedoria em 2004.

“Todos nós Queremos mais trabalho e saúde durante todo o ano de 2004” Cláudia Coelho, de 32 anos
(Reportagem de Marcelo Sant’anna)

Parece-me que minha memória está distorcida. De vez em quando, lembro de que as coisas ocorreram de determinada forma, mas minha família me diz ter sido bem diferente. Está havendo uma falha do meu gravador cerebral.

JANEIRO – “É o primeiro mês do ano do calendário Juliano e Gregoriano. O nome provém de Januárius, décimo primeiro mês do calendário Numa Pompílio, o qual era uma homenagem ao deus Janus. Júlio César estabeleceu que o ano deveria começar na primeira lua nova após o solstício de inverno, que no hemisfério norte é o dia em 25 de dezembro, a partir do ano 709 romano (45-ac). Nessa ocasião o início do ano ocorreu 8 dias após o solstício. Posteriormente o início do ano foi alterado para 11 dias após o solstício”. (Fonte: Vikipédia: http://pt.wikipedia.org/wiki.cgi?Janeiro).



Ver mais Ver mais CONTOS E CRÔNICAS

- -

BUSCA
Google

PROCURE NA CAIXA ABAIXO