OS CÉUS ANUNCIAM A GLÓRIA DE DEUS

 

Os céus anunciam a glória de Yavé, mas vida animal não há fora da Terra.  E alguma coisa mudou nos planos dele. Pois ele não despejou as estrelas sobre a Terra, nem Jesus veio no tempo marcado.

 

Assim tenta explicar Got Questions:

 

"A questão de saber se Deus criou vida em outros planetas é certamente fascinante. Salmos 19:1 diz que "Os céus proclamam a glória de Deus, e o firmamento anuncia as obras das suas mãos." Tudo o que Deus tem feito, seja você e eu, ou a vida selvagem, ou anjos, ou as estrelas e planetas, foi criado para a Sua glória. Quando vemos uma vista deslumbrante da Via Láctea ou observamos Saturno através de um telescópio, ficamos impressionados com as maravilhas de Deus!

Davi escreveu no Salmo 8:3: "Quando contemplo os teus céus, obra dos teus dedos, e a lua e as estrelas que estabeleceste..." Quando vemos o grande número de estrelas, então lemos que os cientistas têm descoberto milhares e milhares de galáxias, cada uma contendo milhões de estrelas, devemos ter um temor reverente de um Deus tão grande que é capaz de fazer tudo isso e chamá-lo de o trabalho de Sua dedos! Além disso, o Salmo 147:4 nos diz: "Conta o número das estrelas, chamando-as todas pelo seu nome." É impossível que a humanidade saiba quantas estrelas existem, Deus não só sabe quantas existem, mas também sabe o "nome" de cada uma delas! "Também a minha mão fundou a terra, e a minha destra estendeu os céus; quando eu os chamar, eles se apresentarão juntos" (Isaías 48:13).

O espaço e planetas foram criados para a glória de Deus. Sabemos que existem estrelas e planetas além do nosso sistema solar, e que estes também foram criados para a glória de Deus. Um universo em constante expansão é mais uma conjectura que ainda tem que ser provada. A próxima estrela mais distante do que o sol é mais de 4 anos-luz de distância, e isso não é nem mesmo uma fração mensurável do tamanho do universo conhecido, expandindo ou não.

Quanto a se há vida em outros planetas, nós simplesmente não sabemos. Até agora, nenhuma evidência de vida em outros planetas do nosso sistema solar tem sido encontrada. Considerando a proximidade do fim dos tempos, é improvável que o homem vai progredir o suficiente para visitar outras galáxias antes do retorno do Senhor. Onde quer que a vida exista ou não, Deus ainda é o criador e controlador de todas as coisas, e todas as coisas foram feitas para a Sua glória.

<https://www.gotquestions.org/Portugues/Deus-criou-vasto-universo.html>

 

Se Deus criou vida em outros planetas - A dita palavra divina diz que não.  Deus teria criado a Terra, depois criado nela os animais aquáticos e as aves, depois os animais terrestres, e por fim o homem - isso segundo o primeiro capítulo do Gênesis; pois o segundo capítulo afirma que o homem foi criado antes de todos os outros seres, até mesmo antes dos vegetais - e, no quarto dia, antes da criação do reino animal, teria ele criado "dois grandes luminares", o Sol e a Lua (grandes é o como parecem aos nossos olhos) e também as estrelas, essas nem seriam grandes, pois poderiam cair pela terra, e iriam cair do céu um pouco antes da volta de Jesus.  Não teria deus criado nenhum outro planeta para criar vida lá, sendo a Terra o centro do universo, e o Sol estaria caminhando de uma a outra extremidade dos céus (Salmos, 19:6) (o livro sagrado só não deu explicação de como o Sol faria à noite para retornar ao começo da nova caminhada).

 

O espaço e planetas criados para a glória de Deus - Teriam sido criados, não planetas, mas Sol, Lua e estrelas, para a glória de Zeus ou outros deuses, conforme a crença da pessoa que estivesse levando isso em consideração.  Cada pessoa, desde os mais primitivos hominídeos sempre olhou maravilhado para o céu, vendo todas aquelas luzinhas piscantes cujo número ninguém podia contar.  As nuvens, que ninguém pode negar que embelezem os céus, eram, para os homens inspirados de Yavé, resistentes recipientes de água.  Jó teria ficado maravilhado com a resistência delas, dizendo que Yavé Prende as águas em suas densas nuvens, e a nuvem não se rasga debaixo delas”, teria dito Jó (Jó, 26: 8). 

 

O número das estrelas - Não seria muito grande esse número, pois a terra seria capaz de comportar todas elas em sua superfície quando elas caíssem antes da volta de Jesus; e João teria visto em sonho esse espetáculo semelhante a "quando a figueira, abalada por vento forte, deixa cair seus figos verdes" (Apocalipse 6:13).

 

A "proximidade do fim dos tempos" -  O fim dos tempos e a volta do salvador, se fosse ocorrer mesmo, já teria ocorrido a muito tempo.  Pois o evangelista disse que Jesus disse:

“Em verdade vos digo que não passará esta geração sem que todas essas coisas se cumpram” (v. 34).  Isso é que já tinha dito em outra ocasião, com outras palavras, que não deixam dúvida quanto à brevidade dos acontecimentos preditos: "Em verdade vos digo que alguns há, dos que aqui estão, que não provarão a morte até que vejam vir o Filho do homem no seu reino." (Mateus 16:28)  Quantas gerações já passaram? Não aconteceram todas essas coisas.  E ainda tem muita gente acreditando que essas coisas irão se cumprir!

 

Embora Yavé tivesse prometido que nunca mais destruiria a vida na Terra, os planos mudaram e esse mundo foi condenado a ser destruído e depois reconstruído sem pecado.  Todavia, se morreram todos os que viveram no primeiro século e já se passaram vinte e Jesus não apareceu, podemos concluir que isso não irá acontecer mesmo.

 

Ver também como O UNIVERSO DEPÕE CONTRA DEUS

 

Ver também se É POSSÍVEL CONFIAR EM DEUS

 

..

.