CRISTÃOS QUEREM MORTE DE ATEUS

 

sexta-feira, 2 de setembro de 2011


Cristãos fazem ameaças de morte a ateu no Facebook da Fox News

Enviar por e-mailBlogThis! Compartilhar no TwitterCompartilhar no FacebookCompartilhar no Orkut

 

Uma das mensagens diz:
"Ateus estúpidos,
eu espero que Deus mate todos vocês'

 

Cristãos ameaçaram de morte e de estupro, entre outras violências, Blair Scott, diretor de comunicação da associação American Atheists, no Facebook da Fox News. As ameaças começaram em 28 de julho, após o ateu ter participado do programa America Live onde defendeu a retirada de uma cruz do memorial do 11 de Setembro, da queda das torres gêmeas de Nova Iorque.


Quando a rede deletou as mensagens, eram mais de 200, mas portais e blogs já tinham publicado algumas reproduções delas, como as acima. Na maioria dos casos, as ameaças foram feitas por pessoas que aparentemente usaram suas fotos e nomes verdadeiros na rede social.

No Brasil, em um caso semelhante, a estudante de direito Mayara Petruso está respondendo à Justiça por ter escrito no Twitter “mate um nordestino afogado” em outubro de 2010, após a apuração das eleições presidenciais. Na época, ela atribuiu aos nordestinos a vitória nas urnas de Dilma Rousseff.

A Fox News atraiu tantos comentários virulentos em sua página do Facebook provavelmente porque a rede é a porta-voz da direita americana, o que inclui os cristãos mais conservadores. Algo parecido já tinha ocorrido em relação ao presidente Obama.
 

Lideranças religiosas afirmaram que os cristãos radicais são uma minoria. Mas Staks Rosch, jornalista que escreve sobre ateísmo no Examiner.com, disse que essa minoria não é tão “minúscula” como tem sido divulgado na imprensa.

Nos Estados Unidos há muitos cristãos fazendo ameaças horríveis contra ateus”, escreveu.

Com informação do hiper vocal, entre outros sites.

http://www.paulopes.com.br/2011/09/cristaos-fazem-ameacas-de-morte-ateu-no.html
 

Dizem eles que Jesus disse: "Amais ao próximo como a ti mesmo".  E é assim que eles amam.  Querem que seu deus mate todos os ateus.  E, com certeza, quando morre um ateu, eles pensam contentemente: deus o matou; nem percebem que eles também morrem da mesma forma.

 

As lideranças religiosas de hoje não compartilham com as minorias radicais, porque sabem que não têm poder para concretizar esse desejo. Mas, onde adquirem poder, eles agem, não esperam pela vingança divina.  Na Índia, onde a igreja conseguiu entrar na política e criar uma "lei de blasfêmia", temos um exemplo recente: a Igreja Católica processou criminalmente um cientista pelo simples fato de ele informar que o que cristãos estavam chamando de milagre era uma infiltração.  Aqui, cristãos tentam dominar o poder político para impor suas crenças mediante lei.  Não se pode garantir que, se dominarem, eles não vão matar os não cristãos como matavam na Idade Média.

 

Ver mais  RELACIONAMENTO RELIGIOSO

 

..

.