NOSTRADAMUS E O FIM DO MUNDO -- 18/08/2006 -

 

As "Centúrias", do astrólogo Nostradamus, têm sido estudadas e interpretadas por muitos. Seus adeptos sempre encontram fatos que se enquadram em muitas de suas predições. Ele dizia de forma figurada, o que facilita sua adequação a fatos ocorridos posteriormente. Algumas de suas predições, todavia, parecem muito precisas em relação a muitos detalhes. Mas, quando ele marcou datas, sua palavra falhou. Isso já mostra que tudo foram grandes coincidências.

Em uma de suas visões, que dava a idéia de um pastor encontrando uma coisa perdida por muito tempo, sendo venerado por isso, disse ele:
"A coisas perdida, guardada por muitos séculos, é descoberta. Pasteur será venerado como um semi-deus, isso acontecerá quando a lua completar seu grande ciclo, ele será desonrado por outros rumores" (Citado no Fantástico). Teve a grande coincidência com a descoberta de Louis Pasteur: os micróbios.

Os intérpretes não traduzem a palavra “Pasteur” (pastor); pois isto dá mis aparência de autenticidade da previsão, tendo acertado até o nome da pessoa: “Louis Pasteur”. "Diz a Enciclopédia Britânica que Pasteur, o "semideus", "foi reconhecido como o iniciador do maior movimento da química moderna" (Érika Cheetham, As Profecias de Nostradamus, 16ª Ed., pág. 42).

Parece muito com o que disse o astrólogo: "Sara pasteur demi dieu Honoré" = Pastor semideus será honrado. É bastante impressionante a palavra pastor fazer parte do nome do descobridor dos micróbios, e ser ele chamado de semideus.   Porém, vale observar que os micróbios não foram coisa perdida, mas algo que nunca antes alguém imaginara existir.

Nostradamus previu uma terceira GUERRA MUNDIAL, precedida da queda da "GRANDE MURALHA", que seus intérpretes consideram como a derrubado do muro de Berlim.

Um de seus seguidores afirmou, em entrevista para a TV Globo, que “essa guerra ocorrerá em 1997”. 1997 passou, sem nada ocorrer. Mas já houve também a interpretação de que ela ocorresse em 1986 (Centúria II, 5, 41 e 46).

1999 também foi indicado como o ano da terceira guerra e agora há gente apontando 2007 e 2008. Mas, como as datas anteriores, creio que essas também transcorrerão com normalidade.

Quanto a datas passadas, sabemos que Nostradamus falhou. Ele previu, segundo tradução de Érika Cheetham, os “arabes capturados pelo rei de Marrocos no ano mil seiscentos e sete" (Centúria VI, 54 - As Profecias de Nostradamus, pág. 329); (Ou seria o rei de Marrocos capturado pelos árabes? = “Par les arabes captif le Roi Maroq, l"an mil six cens et sept” ), e nem uma coisa nem outra aconteceu.

"L'an mil neuf cens nonante neuf sept mois,
Du ciel viendra un grand Roy d'effrayeur
Resusciter le grand Roy d'Angolmois,
Avant apres Mars regner par bonheur"

(Centúria X, Quadra 72).

Traduzindo:
"O ano de mil novecentos e noventa e nove 7º mês,
do céu virá um grande Rei aterrorizador:
Ressuscitar o grande rei d "Angolmois.
Antes depois Marte reina para felicidade
"

 

1999 passou, e nada ocorreu de excepcional.

Ele escreveu coisas que dizem ser a Segunda Guerra Mundial. Curioso é que não falou da primeira.

Quanto ao fim do mundo, o famoso vidente também marcou o tempo. Porém o colocou em uma época tão distante, que o poderia deixar como o grande profeta por muitas e muitas gerações. O ano 3997 é o de sua previsão, segundo a reportagem do Fantástico. Não seremos nós ou nossos próximos descendentes que iremos ver passar a data da sua maior predição. Entretanto, já temos muitas outras passadas para tirarmos nossas conclusões. Se o no ano 1607 não ocorreu o que ele previu, e em 1999 também, o mais lógico a deduzir é que, devido à grande diversidade de suas centúrias, sua visões não anteciparam os acontecimentos, mas enquadram-se aleatoriamente em fatos, e o planeta poderá até ser destruído de alguma forma, mas dificilmente coincidirá com o ano 3997.

Observação em 23/09/2010: Este texto foi escrito em 18/08/2006, e já passamos mais duas datas apontadas para a Terceira Guerra Mundial. 

Ver mais PREVISÕES DO FUTURO

 

..

.