OS PADRES SÃO MAIS PEDÓFILOS DO QUE O RESTO DA SOCIEDADE

 

Dom Dadeus fala que a sociedade atual é pedófila
Posted: 05 May 2010 08:30 PM PDT

Notaram como andam frequentes as gafes cometidas pelos clérigos da Igreja Católica?

Desta vez, Dom Dadeus Grings, arcebispo de Porto Alegre, durante a Assembleia Geral da CNBB dia 04 de maio de 2010, provocou uma grande polêmica ao falar sobre as denúncias de pedofilia contra padres. Diz ele que “a sociedade é pedófila”, e que o abuso sexual de crianças é mais comum entre médicos, professores e empresários do que entre sacerdotes.

“A sociedade atual é pedófila, esse é o problema. Então, facilmente as pessoas caem nisso. E o fato de denunciar isso é um bom sinal.”

Ele disse ainda que a liberação da sexualidade é que gera “desvios de comportamento”, entre os quais a pedofilia. Num declive escorregadio vergonhoso, disse que assim como os homossexuais conquistaram mais espaços e direitos, o mesmo pode ocorrer com os pedófilos.

“Quando a sexualidade é banalizada, é claro que isso vai atingir todos os casos. O homossexualismo é um caso. Antigamente não se falava em homossexual. E era discriminado. Quando começa a [dizer] que eles têm direitos, direitos de se manifestar publicamente, daqui a pouco vão achar os direitos dos pedófilos.”

Dom Dadeus deixou claro que pedofilia é crime e deve ser punido, mas admitiu que a Igreja tem dificuldade de cortar a própria carne, ao lidar com as denúncias contra religiosos. Segundo ele, há punições internas mas é complicado denunciar os casos à polícia.

“A Igreja ir lá acusar seus próprios filhos seria um pouco estranho.”

Ele alega que, na Alemanha, somente 0,2% dos abusos sexuais contra crianças foram praticados por sacerdotes. Ele crê que os casos estejam servindo para quem quer atacar a Igreja e valores como a castidade.
“Há uma anomalia na sociedade humana e que deve ser corrigida. Agora, não é justo dizer que só a Igreja que tem. Não é exclusividade da Igreja. A Igreja é 0,2%.”
Conservador que é, afirmou que a homossexualidade é inata apenas em pequena parte dos gays. Na outra parte, a opção sexual seria resultado da educação recebida.

“Nós sabemos que o adolescente é espontaneamente homossexual.  Menino brinca com menino, menina brinca com menina. Só depois, se não houve uma boa orientação, isso se fixa. Então, a questão é: como vamos educar nossas crianças para o uso da sexualidade que seja humano e condizente?”

Perguntado sobre a afirmação de que a sociedade é pedófila, o arcebispo do Rio, Dom Orani Tempesta, porta-voz da Assembleia, reagiu: “É uma afirmação complicada, tem que ter dados para verificar isso”.

Nesta quarta-feira, dia 05 de maio de 2010, Dom Dadeus foi aconselhado a não dar entrevista. Dom Orani disse que os bispos são livres para dar opiniões mas que as declarações do Dom Dadeus foram “mal interpretadas”. E reiterou que a Igreja Católica condena qualquer tipo de abuso sexual.

“Não é doutrina da Igreja esse tipo de comportamento. Aqueles que fizeram e cometeram algum crime devem ser julgados segundo a legislação de cada país, do Brasil e tudo mais.”

Ajudaria se a Igreja fizesse algo mais que ouvir confissões dos padres pedófilos, né não seu Orani?

Fontes: O Imparcial, G1.com.br

 

Vamos admitir: "a sociedade é pedófila"; a pedofilia só não é muito maior, porque é incriminada.  Mas a sociedade é pecadora.  Os homens representantes de Cristo não deveriam ser um exemplo de virtude, ainda mais quando têm um voto de castidade e devem evitar o pecado?

Se eu, que gosto de sexo e o considero algo muito bom, acho que só me faz bem, se eu, que sou naturalista, praticar a pedofilia, mesmo assim, em nosso país, eu estou praticando algo ilegal, sujeito a sanção penal.    Mas um homem de Deus, que tem o sexo como um pecado, que deveria ser um exemplo de comportamento, fazer sexo com crianças, isso não é bem mais grave do que o meu caso? 

 

O que ocorre, no entanto, é ainda mais gritante do que parece.  Considerando a proporção de padres em relação ao total da população, estudiosos chegaram à conclusão de que há mais padres pedófilos do que indivíduos outras classes.

Até um artigo escrito em um site católico em defesa dos padres aponta que "de 1950 a 2002, num universo de 109.000, 4.392 sacerdotes americanos foram acusados de ter relações sexuais com menores"<http://www.veritatis.com.br/inicio/blog/517-padres-pedofilos-um-panico-moral>.   Isso representa que 4,029 % dos padres.  Parece que, considerando toda a população masculina mundial, a percentagem ficaria abaixo disso.     O artigo até fala que há mais pastores envolvidos em pedofilia do que padres.   Isso é um testemunho de que a religião não tem todo o efeito moral que eles pregam.   

 

Ver POR QUE PADRES COMETEM TANTO ABUSO SEXUAL

 

Ver mais sobre e sobre

..