UM PEIXE PODE ENGOLIR UM HOMEM SEM MASTIGÁ-LO?

 

"'Mergulhador escapa de ser engolido por tubarão branco

Um mergulhador australiano sobreviveu hoje ao ataque de um tubarão branco de três metros de comprimento, que chegou a colocar a cabeça do homem entre seus dentes, mas o soltou logo depois, segundo a rádio australiana ABC.

A vítima, Eric Nerhus, foi internada em um hospital com ferimentos leves. O mergulhador relatou a um amigo que provavelmente foi salvo pelos óculos e a máscara, feitos de chumbo, porque foi onde o animal mordeu.

Nerhus estava capturando moluscos quando foi atacado pelo tubarão. O mergulhador também bateu no bicho com um instrumento metálico que usava para separar os moluscos das pedras."Ele disse que foi muito sortudo e que usou o aço para pegar moluscos. Usou o instrumento para bater na cabeça do tubarão e ele o soltou", afirmou à emissora Denis Luobikis, amigo do mergulhador.

Um especialista disse que o tubarão provavelmente atacou Nerhus por confundi-lo com uma foca. A polícia lembrou que está proibida a captura de tubarões brancos, para prevenir possíveis ataques ao animal que causou este incidente hoje.'

Captial do Planalto

"NOTA: O Mergulhador chegou a entrar na garganta do animal até os ombros, apenas a sua cabeça ficou entre os dentes do tubarão, e com esforço o mergulhador conseguiu atingir o olho do animal com uma das mãos. É curioso como muitos céticos não acreditam de forma alguma que a História relatada pela Bíblia sobre o profeta Jonas que foi engolido por um grande peixe, seja verdade, eu não precisaria dessa notícia para dizer que existe um peixe capaz de engolir um homem, acredito nisso pela fé, pois se a Bíblia dissesse que Jonas engoliu um grande peixe eu acreditaria, quem sou eu para limitar o poder de Deus?
"A Fé é a certeza daquilo que não se ver" (
).<http://renatofernandesaraujo.blogspot.com/2008/04/mergulhador-escapa-de-ser-engolido-por.html>

 

O autor da nota não levou em conta o fato de que, se o tubarão engolisse Eric Nerhus, não o faria como nós quando engolimos uma cápsula, ele o mastigaria bem ante de engolir.

Ademais, se houver um peixe que engula um homem sem mastigar, esse homem morrerá sufocado pela falta de oxigênio em poucos minutos, nem precisando da ação do suco digestivo, que é um ácido que desfaz o alimento em pouco tempo.

Estórias como Jonas ser engolido e vomitado tempo depois pelo peixe, assim como Ananias, Misael e Azarias serem lançados dentro de uma fornalha e não se queimarem, bem como as ressurreições ocorridas no momento da morte de Jesus, é coisa só de fé mesmo. 

Se um grupo de pessoas tivesse levantado do túmulo e entrado na cidade, isso teria causado um tumulto.

Os escritores daqueles dias nem chegaram a tomar conhecimento de alguém que dissesse que houvesse uma ressurreição, assim como ninguém no mundo viu três horas de escuridão.

E, para piorar, até o próprio Jesus, cuja história é uma cópia dos mitos de diversos povos, não foi conhecido pelas pessoas que registravam os fatos de seus dias.  Nem mesmo Algum escritor fez menção a algum povo que estivesse dizendo que seu mestre executado tivesse ressuscitado.

A história da ressurreição de Jesus só surgiu muito tempo depois.

O que judeus acreditavam naqueles dias é que um dia futuramente Yavé iria fazê-los ressuscitar.

A pessoa executada cujos discípulos criaram a história de Jesus pode ter dito que ressuscitaria um dia e voltaria para buscar seus discípulos, e daí ter-se formado gradativamente o mito da ressurreição.

Veja ORIGEM DO CRISTIANISMO.

 

Um tubarão morder um mergulhador não traz nenhum indício de que seja verdade a estória de Jonas.

 

Ver mais sobre RELIGIÃO

..