A QUARESMA E A QUARTA-FEIRA DE CINZAS -- 01/03/2006 -

 

"Era prática comum em Roma que os penitentes começassem sua penitência pública no primeiro dia de Quaresma. Eles eram salpicados de cinzas, vestidos com saial e obrigados a manter-se longe até que se reconciliassem com a Igreja na Quinta-feira Santa ou a Quinta-feira antes da Páscoa. Quando estas práticas caíram em desuso (do século VIII ao X) o início da temporada penitencial da Quaresma foi simbolizada colocando cinzas nas cabeças de toda a congregação" (ACI DIGITAL).

Hoje os católicos recebe "uma cruz na fronte com as cinzas obtidas da queima das palmas usadas no Domingo de Ramos do ano anterior" (idem).

"Começa na Quarta-feira de Cinzas e termina na tarde de quinta-feira santa, antes a Missa da Ceia do Senhor, que inicia o Tríduo Pascal...

A Quaresma dura 47 dias, embora para o calendário litúrgico os domingos não contem, perfazendo então 40 dias. A duração da Quaresma está baseada no simbolismo do número quarenta na Bíblia que significa provação. Nesta, fala-se dos quarenta dias do dilúvio, dos quarenta anos de peregrinação do povo judeu pelo deserto, dos quarenta dias de Moisés e de Elias na montanha, dos quarenta dias que Jesus passou no deserto antes de começar sua vida pública, dos 400 anos que durou o exílio dos judeus no Egito." (Wikipédia)

O que não se sabe é quando começaram essa "prática comum em Roma".  Como a Igreja procurou destruir tudo que encontrasse de registros contrários às idéias cristãs romanas, restaram quase que só o que a igreja disse, o que não é bem confiável; pois muitas coisas foram forjadas em favor da igreja dominante.
 

Ver mais POR QUE SE CRÊ...

 

Ver mais CONHECIMENTOS GERAIS

 

..

.