REFERÊNCIA ARQUEOLÓGICA A CRISTO

 

"Encontrado indício arqueológico de Cristo! Nada bom para os religiosos…


Notícia quente, moçada! Um pote criado entre o século I AC e II DC possivelmente é a referência arqueológica mais antiga de Cristo. Se for mesmo uma referência a Jesus Cristo, o pote trará evidências de que o cristianismo era interligado ao paganismo na época.

O pote, que foi encontrado nas ruínas submersas do porto de Alexandria, ainda traz a inscrição “DIA CHRSTOU O GOISTAIS”, que significa “O mágico, por Cristo”. Provavelmente era um artefato esotérico, usado por um mago para a premonição do futuro, muito comum no século III AC no Egito.

Interessante também, o livro de Mateus menciona “Magi”, que seria um mago bem ao estilo dos três reis magos. Tal pote provavelmente possuía inscrições sobre Cristo para invocar um poder mágico.

De acordo com Bert Smith, esse pote provavelmente era um presente de um tal de “Chrestos” (pronuncia-se Cristos) que pertencia a uma associação religiosa chamada Ogoistais. Se ele estiver correto, era um grupo que adorava deuses gregos e egípcios.

Foi em Alexandria na época que novas construções religiosas foram feitas para propor soluções aos problemas do mundo dos homens e de Deus. Culto de Isis, mistérios de Mitra e os primeiros cristãos surgiram ali.
(Fonte: MSNBC, citado em Ateus do Brasil)

 

Ver mais 

- -

BUSCA
Google

PROCURE NA CAIXA ABAIXO