SEGUNDO (OU TERCEIRO?) MANDAMENTO -- 23/02/2003

 

Não tomarás o nome do Senhor teu Deus em vão; porque o Senhor não terá por inocente aquele que tomar o seu nome em vão” (Deuteronômio,5: 11).
 

Para ilustrar o rigor hebreu, o simples uso do nome de Javé de forma banal seria motivo para acender a ira do “bom” Deus.
 

Aqui já encontramos um problema de classificação dos mandamentos. Para os Católicos, este é o segundo mandamento; para os adventistas, é o terceiro.
 

Os adventistas consideram o conteúdo do versículo 7 como o primeiro mandamento, e o dos versículos 8 a 10 como o segundo. Entretanto, ter outros deuses não é coisa diferente de fazer imagens de seres vivos, ou mesmos dos astros, e adorá-los. Parece aqui que os católicos têm razão. Mas não é tão simples quando chegarmos ao último dos mandamentos. Fica mais artificial do que aqui. E não poderíamos considerar apenas nove mandamentos, porque todas as referências são a dez.
 

Esse mandamento mostra um deus implacável, que não tolera um mínimo de falha.

 

Voltar a OS DEZ MANDAMENTOS

 

..

.