Economia e política, conhecimentos gerais, contos e crônicas, avisos, cartas, humor.

 

ATEÍSMO E COMUNISMO

26/11/2009

"Uma das coisas que eu encontro com certa frequência em argumentos dos religiosos é como o ateísmo supostamente se encontra ligado com o comunismo e sobre como ele foi responsável pela morte de milhões de pessoas. Como sempre, há um monte de desinformação, seja porque nunca se dão ao trabalho de entender exatamente o que é o ateísmo e o que é o comunismo.

Eu estudei um pouco de Ciências Sociais e conheço um pouco sobre as idéias de Karl Marx. Apesar de saber bem por cima do assunto, compreendo o fenômeno o suficiente para dizer que o principal problema nesse caso é o fascismo que geralmente acontece nos governos comunistas.

Já se perguntou do porquê de Stálin, Mao Tsé, Fidel Castro ou Hugo Chavez serem ditadores, mesmo quando o comunismo visa igualar as pessoas? Do porquê desses governos serem uma porcaria e quem neles vivem ficar tentando fugir?

O comunismo vem das idéias de Karl Marx de fazer um governo onde todo mundo tenha direitos iguais e não exista classes sociais. Um governo dono dos meios de produção e cujo povo seja antenado quanto à política. A idéia até que é boa: fazer com que cada pessoa receba o que mereça do seu trabalho. Mas as execuções, como pode-se notar em todo e qualquer governo comunista, está longe de favorecer a todos ao mesmo tempo. Um ditador, que usa do populismo para angariar apoio popular e pregar os ideais comunistas, procura sempre obter uma maneira de se perpetuar no governo, seja pelo golpe de estado, seja por interromper limites de candidatura à presidência. E o poder sobe á cabeça, levando à corrupção.

Quando uma pessoa se encontra indefinidamente no poder, ela faz de tudo para não receber críticas. Ela quer continuar no poder fará o ilegal para que assim seja. Mas quem teria poder político para ir contra um ditador? Igrejas, Veículos de Comunicação em Massa e Universidades.

O ateísmo de estado, pregado na maioria dos regimes comunistas, visa eliminar o poder político das religiões. O governo, que a essa altura estatizou os canais de TV e rádio, bem como as universidades, não tem como estatizar uma religião, portanto a proíbe.

Em um sistema tão repressor, qualquer coisinha que pareça ir fora da vontade do ditador vira motivo para execução. Pessoas, agora descontentes com o governo que tomou tudo o que elas tinham para dar aos correligionários do governo, fogem ou lutam para recuperar o país, e a maioria morre tentando.

O Protesto na Praça da Paz Celestial em 1989 foi causado por universitários, que viram a China ser governada por um governo corrupto. Cem mil manifestantes.

Isso tudo não foi causado porque o governo não queria que se acreditasse em Deus. Foi por poder político absoluto. Foi por corrupção, inerente ao modelo comunista prático. Isso não é ateísmo.  Ateísmo é, hoje, a busca pelo conhecimento, e a eliminação de crenças pueris em deuses e messias. Elevar uma pessoa ao estato messiânico a que chegam os ditadores comunistas vai totalmente contra o propósito ateísta." (Fonte: Ateus do Brasil).

 

 

Ver mais sobre ATEÍSMO

 

Para abrir em nova janela, mantendo esta página aberta, pressione SHIFT ao clicar no link.

- -

BUSCA
Google

PROCURE NA CAIXA ABAIXO