FALTA DA CARNE - MAIS UMA VEZ MEU CORPO ME INFORMOU BEM -- 20/07/2003 -

 

Fui vegetariano por quatro anos. No final, achei que algo não estava certo. Senti que não seria bom continuar sem comer carne. Vinte anos depois de abandonar o vegetarismo, já tenho encontrado alguns artigos sobre os riscos que corre a saúde do vegetariano; mas vou transcrever aqui o último, encontrado hoje no jornal Estado de Minas: “Nutricionistas recriminam falta de carne no cardápio”.

Alguns acertos estão mencionados no livro “A FONTE DA JUVENTUDE”, no capítulo “CERTO OU ERRADO?”. Vejam abaixo sobre a alimentação.

A vitamina B12 é realmente a grande vilã das dietas vegetarianas. Sua ausência tende provocar anemia, além de problemas neurológicos que podem levar à demência. Os onívoros que decidirem abolir as carnes da rotina alimentar também podem apresentar queda no sistema imunológico, flatulência e cólicas no início do processo, mas o organismo acaba se adaptando. Contudo, os nutricionistas não recomendam uma dieta vegetariana para atletas, grávidas, crianças e idosos. Em todas essas categorias, a ingestão de proteínas, ferro e B12 devem ser maior que a oferecida apenas por vegetais e suplementos.

Segundo a nutróloga Vília Jurgilas, se a questão é não filosófica, quem pretende deixar de comer carne apenas pensando na saúde deve rever sua decisão.  Ela afirma que, consumido com moderação e preferindo as carnes brancas, esse alimento é bastante saudável.

Quanto aos vegetais, como não há dúvida de que fazem bem, eles devem ser amplamente consumidos em qualquer tipo de dieta, vegetariana ou não. Hoje sabe-se que frutas, legumes e verduras reduzem as chances de uma pessoa ter vários tipos de câncer, especialmente no aparelho digestivo. Legumes e frutas amarelos, que contêm caroteno, previnem o câncer de estômago; a soja possui isoflavona, que diminui o risco de câncer de mama e osteoporose; o alho, com sua alicina, fortalece o sistema imunológico e, por aí, vai, já que a lista poderia ser quilométrica. ‘Para ser saudável, o importante é ter uma dieta rica e variada de vegetais, em qualquer circunstância’, diz.” (Estado de Minas de 20 de julho de 2003, Caderno Bem Viver, pág. 3).

 

Vejam também PARECE QUE ACERTEI MAIS UMA VEZ


Ver mais
SAÚDE

 

..

.