MULHERES-BOMBA EM AÇÃO NA RÚSSIA

 

Os atentados terroristas no Metropolitano de Moscovo de 2010 foram dois atentados à bomba causados por terroristas suicidas,[1] alegadamente duas mulheres[2] e que ocorreram na manhã de 29 de março de 2010 no Metropolitano de Moscovo nas estações de Lubyanka e Park Kultury.[1]

As primeiras notícias apontavam para a existência de 32 mortos neste duplo atentado[3] mas posteriormente esse número foi elevado para 37 mortos, de acordo com notícias oficiais, 25 das quais na estação Lubyanka.[4][5] A BBC noticiou às 6h18m (GMT) que morreram 15 pessoas na segunda explosão. Há ainda dezenas de passageiros feridos.[6]

Aparentemente os atentados eram destinados a insultar os serviços de segurança, que tem sido defendida pelo presidente Vladimir Putin desde que assumiu o poder na Rússia. Uma vez que, o primeiro ocorreu na estação Lubyanka, ao lado da sede do Serviço Federal de Segurança, também conhecido como o FSB,[carece de fontes] a agência sucessora da KGB da era soviética que foi liderado por Putin no final de 1990.[7]

A jornalista Yulia Shapovalova, apresentadora da emissora da TV Today da Rússia, estava na estação de Lubyanka no momento da explosão:[8]

"Não era muito alto, mas foi bastante intenso, bastante poderoso. Eu podia sentir a vibração no ar." Yulia Shapovalova[8]

Em Setembro de 1999, a Rússia foi palco de uma série de explosões que atingiram quatro blocos de apartamentos nas cidades de Buynaksk, Moscovo e Volgodonsk, matando 293 pessoas e ferindo 651.[9] "

 

Referências:

http://lenta.ru/news/2010/03/29/terakt/
http://echo.msk.ru/news/667546-echo.html
«Rússia: Duas explosões no metro provocam 32 mortos». Consultado em 29 de março de 2010
Público. «Bombistas suicidas atacam rede de metropolitano de Moscovo». Consultado em 29 de março de 2010
RT: "Two blasts in Moscow Metro, dozens killed"
http://lenta.ru/news/2010/03/29/attack/
The New York Times: "Russia Mourns Attack Victims and Considers Its Response"
BBC News: "Eyewitness: Moscow Metro attacks "
Echo: "Радиостанция "Эхо Москвы" / Передачи / Интервью / Четверг, 16.09.1999: Александр Зданович, Олег Аксенов".

<https://pt.wikipedia.org/wiki/Atentados_terroristas_no_Metropolitano_de_Moscovo_de_2010>

 

Se aos homens muçulmanos a promessa de Allah é setenta e duas virgens por uma vida eterna aos que se sacrificarem pela causa divina, o que seria o prêmio para a mulher que se matar pela causa de Allan?  Seria tornar-se uma virgem para algum terrorista?

 

Ver mais INUTILIDADES DOS DEUSES

 

..

.